Hóquei em Patins: Pedro Alves Está a Lutar Pelos Títulos no Genève da Suíça

O percurso desportivo de Pedro Alves fala por si mesmo e ilustra o quão excelente ele é como jogador de hóquei em patins. É difícil descrever os talentos deste que foi um aluno das escolas do Sporting.

Pedro Alves fazia parte da formação do Sporting quando o clube reclamou o seu último título no campeonato nacional. Decorria a temporada de 1987/1988. Em seguida, o jogador rumou até Barcelos e, mais tarde, em direção ao FC Porto. Em ambas as equipas, contribuiu diretamente para a conquista de mais títulos.

Postar imagem Hóquei em Patins Pedro Alves Está a Lutar Pelos Títulos no Genève da Suíça trem de hóquei - Hóquei em Patins: Pedro Alves Está a Lutar Pelos Títulos no Genève da Suíça

Depois de passagens pela Espanha e de um regresso ao hóquei em patins português, Pedro Alves encontra-se agora na Suíça, a jogar pelo Genève. A escolha do clube é consistente com o histórico do campeão, uma vez que a equipa também disputa de forma renhida os títulos no campeonato do país.

Ainda assim, Pedro Alves partilha que, a atitude geral em relação ao hóquei em patins, quer por parte dos jogadores, como por parte dos técnicos, ainda é um pouco amadora no território suíço. Isso reflete-se na regularidade com que vários membros do plantel faltam aos treinos.

Postar imagem Hóquei em Patins Pedro Alves Está a Lutar Pelos Títulos no Genève da Suíça assento do jogador - Hóquei em Patins: Pedro Alves Está a Lutar Pelos Títulos no Genève da Suíça

No que diz respeito à convivência com os colegas e ao estilo de jogo, o português diz que a adaptação foi fácil. Quando não está a dar tudo por tudo no ringue, Pedro Alves empenha-se na venda e na promoção de produtos de grandes marcas de Portugal, as quais ajuda a crescer no seu novo país de residência.

O clube que agora representa, o Genève, é um dos principais candidatos ao título de campeão nacional na Suíça. A equipa também está a jogar na Liga Europeia, embora neste panorama os resultados realmente satisfatórios sejam mais raros para o Genève.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*