Em Entrevista, Estrela do Hóquei em Patins Panchito Diz que Vai Fazer Tudo para Voltar ao “Inferno da Luz”

Francisco Velasquez, o argentino conhecido no mundo do hóquei em patins como Panchito, é uma ex-estrela do Sport Lisboa e Benfica. Foi um dos melhores jogadores que alguma vez reforçou uma equipa portuguesa.

A opinião geral quer dos fãs quer dos entendidos é que, nos seus dias de glória, Panchito levou o hóquei em patins em Portugal a novos níveis. De acordo com o próprio, o Benfica foi o único clube onde jogou do qual ficou verdadeiramente adepto. Desejaria ter podido terminar a sua carreira na Luz.

Postar imagem Em Entrevista Estrela do Hóquei em Patins Panchito Diz que Vai Fazer Tudo para Voltar ao Inferno da Luz Jogador - Em Entrevista, Estrela do Hóquei em Patins Panchito Diz que Vai Fazer Tudo para Voltar ao “Inferno da Luz”

Quando questionado sobre a possibilidade de voltar a Portugal para trabalhar como treinador ou noutra função relacionada com o mundo desportivo, Panchito afirma que não é essa a sua intenção.

No entanto, partilha que o maior desejo que alimenta é o de poder fazer a sua despedida oficial com a camisola do Benfica. Não o quereria fazer em qualquer outro clube. Segundo palavras de Panchito, vai fazer tudo para poder voltar ao “inferno da Luz”.

Francisco Velasquez nasceu a 10 de janeiro de 1975. As equipas pelas quais passou durante a sua carreira incluem o Social San Juan, o Follonica, o Voltegra e o FC Barcelona, para além claro, do Benfica.

Postar imagem Em Entrevista Estrela do Hóquei em Patins Panchito Diz que Vai Fazer Tudo para Voltar ao Inferno da Luz dois jogadores - Em Entrevista, Estrela do Hóquei em Patins Panchito Diz que Vai Fazer Tudo para Voltar ao “Inferno da Luz”

Em entrevista, o ícone do hóquei em patins diz ainda que sentia uma transformação sempre que vestia a camisola do seu clube português do coração. O carinho que recebia dos adeptos e do pessoal do clube motivavam-no a dar nada menos do que o seu melhor em campo. Para si, o Benfica será sempre uma família.

Panchito viu-se inevitavelmente obrigado a abandonar a sua carreira como jogador devido a lesões. Mas está numa altura da sua vida em que alcançou completa paz com essa realidade. O sentimento que mais nutre em relação ao seu trabalho é orgulho.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*